Boletins

  • Cadastre-se e receba nossas novidades:
  • Notícias
  • Subsídios pedagógicos
  • Eventos
  • Associado

Notícias

Formação do professor de Ensino Religioso

Quarta-feira, 31 de maio de 2017 - 20h54min

Por Maria José Torres Holmes

A Formação Continuada é um recurso inacabado, processual e muito importante no fazer pedagógico e consequentemente no processo de ensino e aprendizagem, pois tem a intenção de qualificar o profissional em Educação dentro de sua especialidade nas áreas de conhecimento, onde atuará com maiores esclarecimentos e conhecimento daquilo que vai ensinar para os educandos.

No caso do Ensino Religioso, também não é diferente! Este profissional mais do que nunca precisa ter este compromisso e responsabilidade de saber o que vai ensinar aos estudantes e como ensinar, pois é importante ter em mente que não é qualquer assunto e nem tão pouco ensinar religião, e ou doutrinar, mas rever seus conceitos e respeitar o espaço escolar por ser este plural onde a diversidade existente é grande, por isso deve ser considerada e respeitada.

 Objetivos da formação continuada:

* Promover a interação entre o conhecimento teórico e prático, numa perspectiva de desenvolver habilidades de conhecimentos relacionados à área das Ciências das Religiões para lidar com a diversidade religiosa existente no contexto escolar;

* Saber lidar com as diferenças dentro do espaço da sala de aula;

* Apresentar uma prática pedagógica, dialógica respeitando a diversidade cultural religiosa dentro e fora do contexto escolar. 

É importante destacar também para este profissional que esta formação continuada, além dos conhecimentos específicos, engloba também as questões metodológicas e avaliativas, para que possa ter sucesso em suas aulas e logicamente atingir objetivos e metas.

Maria José Torres Holmes é Mestre e Especialista em Ciências das Religiões pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB).  

Fonte: Pensando o Ensino Religioso

voltar
encaminhe
comente
imprima